terça-feira, dezembro 10, 2013

CASOU, MUDOU E JÁ NOS CONVIDOU.


O namoro virou casamento, mesmo relutando um pouquinho, o Fluminense não foi páreo para os chamegos dela (Série B) e acabou cedendo.

CAÍMOS!

Relutei para escrever. Estava esperando o nó da garganta desatar um pouco. Ainda esta ruim de digerir.

Foi drama até o fim! A vitória não foi suficiente para nos manter na elite. Mas não caímos de divisão no jogo de domingo. Há algum tenho postado que o Fluminense namora a série B. O time não se acertava o time não tinha forças para lutar. Salvo alguns jogos onde ele se recusou a perder. No mais ele não teve poder de fogo principalmente em seus domínios. Fluminense foi ineficiente no maracanã, o que era para ser nossa casa, a nossa fortaleza, acabou sendo o playground dos adversários. Perdemos poucas vezes é verdade levando-se em consideração a quantidade de jogos em nossos domínios, mas empatamos demais com times que visivelmente eram inferiores ao tricolor carioca. Verdade seja dita, nunca conseguimos nos impor jogando no Maracanã.

Além de não nos impormos em nossa casa, outros fatores influenciaram essa queda do nosso tricolor.

Troca de técnico;

Rixa entre Peter e Celso Barros para contratação do novo e demissão do Luxemburgo;

Contusões e falta de peças para reposição;

Sempre considerei um erro trocar de técnico no meio de uma competição. Fluminense sempre insistia nesse erro. Até que por um estalo na mente dos cartolas e paramos com essa filosofia. Conseguimos êxitos com Renato, Muricy e Abel. Não houve paciência com Abel por parte da torcida e por parte dos dirigentes. Sei que é inadmissível perder cinco vezes seguida, mas o “Abelão” tinha “os cabra” na mão e a volta por cima seria inevitável.

Veio Luxemburgo para o lugar do Abel, Logo na chegada nosso presidente disse não, pois o “pofexô” é declaradamente torcedor do rival, sócio proprietário e coisa e tal, mas quem manda e paga é a patrocinadora e Luxemburgo desceu goela abaixo de nosso mandatário.

Até estreou bem, vitória em cima do campeão e teve uma sequência de oito jogos sem perder que chegou a iludir a torcida, mas não conseguiu manter a pegada e nem os jogadores ao seu lado. Dizem que seu estilo autoritário de ser foi preponderante para o que chamam os jornalistas esportivos de perder o vestiário. Ficou mais tempo sem vitórias que Abel Braga, mas quem investiu o segurou até não poder mais. Ainda bem que dessa vez o Presidente se impôs e mandou o professor e seu projeto para as cucuias.  

Cinco jogos para Dorival salvar o time do buraco. Tempo nenhum, nem de conhecer o nome dos jogadores, fez o que pode, mas a burrada já tinha sido feita. Até fez boa campanha em cinco jogos venceu três, empatou uma peleja e perdeu outra.

As contusões.

As malditas contusões assombraram o Fluminense novamente em 2013. Já sofremos desse mal em 2009 e 2010, mas nada muito grave, pois quem entrou deu conta do recado à época.
Porém, dessa vez perdemos peças fundamentais na conquista do tetra negociados e contundidos. E com a grana bloqueada do titulo e venda dos jogadores, Flu não conseguiu acordo com a patrocinadora e passamos sem reforços para o campeonato. Erro crasso, pois há sempre que melhorar, sempre pôr dúvida no treinador e jogadores, para mantê-los focados e querendo mais. O Fluminense acomodou.

Nossa base vinda dos juniores é boa, pode até ser, mas devem ser lançados aos poucos e não para ser a solução. E foi o que aconteceu. Sem Wellington Nem, o motor de 2013, Thiago Neves, aposentadoria e contusões do Deco. Veio a contusão do Fred, Carlinhos, Jean, Ronan. Chegamos ao ponto de não ter lateral esquerdo para escalar.

Tudo isso ajudou para o Fluminense sucumbir aos erros de planejamento e cair para serie B.

Triste, mas é real. Único campeão do ano anterior a ser rebaixado na defesa do seu titulo.

Levantar a cabeça, sacudir a poeira e dar volta por cima. E se Deus quiser pedir divórcio dessa mulher antes mesmo de Dezembro chegar.

Vamos Fluminense! Conte conosco, pois nas boas eu te apoio e nas más eu te amo!

9 comentários:

  1. Celso Barros foi um dos grandes responsáveis pela queda. Patrocinador querendo mandar mais que o Presidente, aí não faz a vontade dele, fica de birra e fecha a mão. Peter precisa ter mais pulso, o presidente é ele, então aja como tal. Caímos. Agora é reformular tudo (inclusive DM, pq esse não dá) e bola frente pra voltar em 2015 pro lugar de onde não deveríamos ter saído.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Colega, esse presidente Peter Pan é muito frouxo; como advogado é péssimo; só fez besteiras... Eu que não quero um pulso desse homem.... O Celso é o nosso patrocinador, querida... Sem ele, teríamos nos dado mal em quase tudo! Agora o Peter Pan, só fez m.... Vendeu Thiago Neves; Wellington Nem e não viu a cor do dinheiro (ele deveria saber do caso da Fazenda, não acha?); trocou os técnicos, mostrando que não entende nada de futebol e outras coisas mais mal feitas, como todos sabem! Bem, ele não é de futebol; não sabe administrar futebol; e se esquece que o nosso clube é Fluminense Football Club!!!!

      Excluir
  2. Como sempre seu texto muito bom, porém não vou dizer que sua visão está certa ou errada, pois aó cou voltar a falar de futebol ano que vem.

    ResponderExcluir
  3. PARABÉNS, FOI HONESTO, IMPARCIAL, E REALISTA, UM POST PERFEITO PARA O MOMENTO NADA A ACRESCENTAR, POR ISSO SOU SEU AMIGO, VOLTA É SAGRADA E DIGNA. VLW FABIANO

    ResponderExcluir
  4. CB mostrou que pode ser tão prejudicial quanto benéfico. Torçamos para que ele pare de tratar o Flu como seu trenzinho ou sua caixinha de areia.

    ST!

    ResponderExcluir
  5. Fabiano vc tem o dom da palavra, concordo plenamente e faço minhas as suas palavras! Acho que não deveria demitir o Abel, afinal todos temos altos e baixos e os baixos dele logo iriam passar, se demitir era a solução, JAMAIS o Luxemburgo deveria ser contratado, que demorou a ser demitido. Espero que o Peter não recaia no erro e mantenha o Dorival, que se tivesse mais uma partida e mais um empate conseguiríamos nos manter na elite! Fomos o primeiro Campeão de um ano rebaixado no ano seguinte, mas também fomos o time rebaixado com o maior número de pontos (e eu que achava que com 46 dava pra se safar!)!! Agora, como dizia Paulo Vazolini (que por sinal faleceu este ano): "Levanta, sacode a poeira e dá a volta por cima",

    ResponderExcluir
  6. E esse babaca do Fred??? Só me aparece nas 2 últimas rodadas, pra chorar e dar munição pros inimigos???? Seja homem!!!

    ResponderExcluir
  7. Conhecido como *Caso Lusa* Uma das coisas bacana em todo esse processo é que tudo isso esta fazendo com que pessoas de toda camada social participe e conheça com mais detalhes sobre o direito e deveres. Ainda que possa parecer injusto ou anti popular, nos deixa o exemplo de que a lei foi feita para ser cumprida e não para ser desviada, contornada para favorecer seja lá qual parte que for. Parabéns a CBF pela postura isenta e correta e parabéns ao STJD fazendo valer o direito constituído no CBJD - Código Brasileiro DE Justiça Desportiva. - By Marco Reis

    ResponderExcluir
  8. Fabiano e amigos cordiais saudações tricolores, estou vendo tudo isso como um ¨calaboca¨ , um tapa na cara dos hipócritas e teleguiados formados pela máfia da imprensa, se eles podem inverter quando lhes convém porque os tricolores não podem ? o Flu caiu e mereceu, agora vai subir e será merecido, se é dentro ou fora de campo não importa desde que seja honestamente, devemos seguir ao lado da razão e com o ¨foda-se¨ ligado para os idiotas...ST.

    ResponderExcluir

Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.