terça-feira, maio 17, 2011

O sucesso do campeão

Por Ricardo F. dos Passos


Sucesso duradouro e transitório fracasso


Fracasso remete a memória o entristecer. Esse verbete assolou o encalço do Fluminense na temporada, após frustrantes recaídas no Carioca e Libertadores.

Empregar o futuro e o passado em acontecimentos recentes revela, no entanto, prisão imagética. Por que esboçar o pensamento apenas nesses fatores?

A capacidade de gerir do Clube  das Laranjeiras traduziu lucro, a política de contratação começou a investir nos verdadeiros medalhões - as jóias de xerém -, o lançamento do livro do colunista Garcez e do DVD do título brasileiro representa evolução de mídia e interatividade.

De maneira análoga, o comando será consolidado com a chegada de Abel Braga. Os imprecisos rumores deflagram possíveis contratações, de modo a fortalecer o elenco do atual campeão brasileiro.


Gestão de contratações


O jovem Ciro, do Sport, e Elkeson, do Vitória, refletem um futuro promissor na carreira, além de abastecer a folha de pagamentos à maneira enxuta.

O volante Fabrício vem como opção para o brasileiro, caso Digão, Edinho ou Leandro Eusébio se machuquem. Rodrigo é uma aposta válida, ao anotar sete tentos no campeonato carioca - fato notável a um volante.

As dispensas não desviaram do fracasso. Abrir mão de Souza e Araújo demonstra falhas de comando e diálogo. Profissional precisar saber separar o que é de interesse dele e o que representa perante as dezenas de milhões que estimulam a instituição.

Uma pena inviabilizar Samúdio pelo ouro... Carlinhos precisa se manter são por um longínquo período.

A saída de Thiago Sales e Willians conta tanto quanto o casamento de Kate Middleton com o príncipe William. No caso do casamento real, nada expressam aos republicanos; no Flu, nada expressam àqueles que desejam à uma equipe campeã. 


-----

Muricy Ramalho recebeu a faixa de campeão paulista pelo Santos. Título merecidíssimo, muito trabalho, determinação e... Parei. Para o caráter revolucionário de Muricy no Rio de Janeiro, é importante retormar a primeira palavra do artigo.


-----

Ao assistir os jogos de ida e volta do Ceará mas também lembrar das pífias atuações do Berna, só me restou dizer: Ahhh Fernando Henrique... 


-----

O sucesso do campeão gera a imagem do campeonato brasileiro de 2010. É marcante destacar que ver tantas camisas do Flu na rua é como encontrar almas em um mesmo estado de espírito. Na bacia da incontida alegria.

Rumo ao Bi!


__________________________________________


"Coluna do Ricardo F.  dos Passos."


Às terças-feiras aqui no Buteco do Tricolor. Comente e sugira uma pauta para o próximo texto da coluna. Sua opinião é de grande importância.
 
Uma magnífica semana, todo poder do pó-de-arroz ao Fluminense. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário